Como evoluímos de produtores utilizando o escambo para chegarmos em 2016 como o ano dos Negócios por Mensagem

Antes de falar da atualidade, um pouco de contexto

Há milhares de anos o homem realiza uma atividade simples, porém de extrema importância para a evolução de nossa espécie: o comércio.

Tudo começou quando eu, produtor de tomates, tinha um excedente de minha produção e você como produtor de laranjas também tinha laranjas sobrando. Eu precisava de laranjas para fazer suco e você de tomates para uma salada, assim iniciamos o escambo, a trocar as coisas por outras coisas. Até aí tudo bem, o problema surge quando precisamos de outras coisas diferentes, por exemplo, um pouco de carne. Como quantificar quantos tomates e laranjas por um quilo de carne? E se fosse um pouco de leite?

Para resolver esse problema, nossos antepassados criaram o dinheiro. Bom ou ruim isso não importa, importa é que com isso conseguíamos trocar nossos tomates por um punhado de dinheiro e com esse dinheiro comprar qualquer coisa que quiséssemos. Isso inclusive fez as relações de trabalho existirem, onde vendemos nosso tempo por um pouco de dinheiro para com isso comprarmos o que precisamos.

Com a evolução do escambo e do dinheiro, começaram a surgir as lojas e mercados. Locais especializados em um tipo de produto (lojas) e local onde os produtores iam para vender suas produções e comprar suas necessidades, de lojas ou direto de outros produtores (mercado). Isso funcionou muito bem durante séculos e tudo foi evoluindo até que chegamos aos shoppings e ultra-mercados modernos, onde temos tudo no mesmo lugar.

Ufa, finalmente conseguimos comprar tudo no mesmo lugar e usando o mesmo dinheiro, não precisamos mais trocar uma coisa por outra. Só pegamos nosso carro ou ônibus e vamos até um só lugar para resolver tudo!

Feira Agropecuária e Antigo Mercado do Povo

O começo da mudança

Tudo funcionando muito bem até que é lançada e popularizada a internet e com elas novas possibilidades chegam. Todo um mundo se abre para o comércio. Não mais estamos limitados aos shoppings próximos e agora podemos comprar as coisas de outras cidades, estados e até de outros países!

Os sites de ecommerce começaram a bombar, com grandes exemplos sendo a Amazon fora do Brasil e Submarino, Americanas e outras aqui conosco. Com essa evolução vieram os marketplaces online (Mercado Livre e eBay) e ficou muito fácil para qualquer pessoa vender pela internet. Você basicamente só precisa de uma conexão e um produto e pode vender para qualquer lugar do mundo. Pronto, criamos nossas lojas e mercados na internet, agora qualquer pessoa pode comprar e vender de qualquer lugar do mundo!

O mercado chegando nos Negócios por Mensagem

Vamos adiantar o tempo e chegamos em 2016. Hoje em dia a maioria das pessoas tem um smartphone e a maior parte do nosso dia é gasta usando apps de mensagens (sim, os apps de mensagens ultrapassaram os usuários das redes sociais).

Nada mais natural que com essa realidade vejamos mais uma evolução. Uma evolução na forma pela qual as pessoas compram produtos e serviços. Não mais precisamos ficar horas procurando o site e a opção mais barata, hoje temos assistentes virtuais que funcionam nos nossos apps de mensagem e podemos simplesmente enviar uma mensagem tipo: “preciso ir do Rio de Janeiro para Miami dia 7, qual o voo mais barato sem escalas?” O app te responde mostrando o melhor voo para seu pedido e você envia uma mensagem: “ok, quero comprar” e pronto, magicamente você comprou sua passagem de avião usando o Facebook Messenger!

O mesmo se adequa a realidade de vender qualquer produto ou serviço. Você não precisa mais ter um site com seus produtos, você pode fazer a propaganda de seu número do WhatsApp e vender seus produtos usando o app e oferecendo um atendimento personalizado para cada cliente e não aquela experiência genérica como em um site.

Para deixar tudo mais interessante vemos uma invasão de chat bots, robozinhos que vão falar conosco como se fossem nossos amigos, usando inteligência artificial. Um bom exemplo disso é o app de mensagem Kik que recentemente lançou sua loja de bots dentro do app.

O mercado tem se tornado muito interessante e caminhando cada vez mais para um futuro em que nossa realidade será comprar e vender usando apps mensageiros, o que chamamos de Negócios por Mensagem.

Como aproveitar essa tendência da melhor forma em sua empresa? É isso que vamos discutir nesse blog.

Quer aprender junto? Cadastre-se em nossa newsletter e saiba de todas as novidades!